ColunistasMilton Biagione

Eu sinto…

Eu sinto,
Sinto medo pela desigualdade.
Sinto medo pela liberdade de expressão.
Sinto medo pela lavagem cerebral.
Sinto medo pelo fanatismo.
Sinto medo pelo ódio que se cultivou.
Sinto medo pela intolerância.
Sinto medo pela ignorância.
Sinto medo pela violência.
Sinto medo pelo preconceito.
Sinto medo pela superioridade.
Sinto medo por todas as coisas ditas.
Sinto medo por andar na rua e encontrar um homem que se acha superior, machista e com uma arma na mão.
Sinto medo pelo meu amigo LGBT, que a cada esquina pode sofrer a consequência de pensamentos medíocres.
Sinto medo pelo passado.
Sinto medo pela história que vivemos.
Sinto medo de conviver com pessoas que compactuam com tudo isso.
Sinto medo por coisas lidas, vistas e ouvidas.
Sinto medo por viver este momento.
No meio de tantos medos, a gente agradece por estar deste lado, seguimos lutando.

Milton Biagioni Furquim
Juiz de Direito


Faça parte do nosso grupo no WhatsApp! Clique aqui.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo