AgronegóciosRegião

Biguatinga já exporta café para nove países

Com uma produção mensal entre 15 e 17 mil sacas, a ItaBrasil compra café em Biguatinga, São Pedro da União, Jacuí e outros municípios mineiros.

Nos anos 1940, Biguatinga já tinha uma empresa de comércio de café: a Cerealista Nova Era Ltda, que foi criada pelo casal libanês Abud João Miguel e Vitória Abrão.

Os filhos Romes e João Abud mantiveram o negócio, que chegou à quarta geração da família. Atualmente, na administração Jorge Abdo, um dos focos é a exportação.

Biguatinga se tornou distrito de São Pedro da União (MG) em 2018, pela Lei nº 1075. Em 2016, quando ainda era um povoado, Jorge Abdo fundou na localidade a ItaBrasil Exportadora“Ita” faz referência a um cliente e uma parceria italiana.

Em apenas quatro anos, a empresa atende ao mercado nacional e exporta para nove países: Alemanha, Estados Unidos, Emirados Árabes, Holanda, Itália, Jordânia, Macedônia, Rússia e Turquia.

Com uma produção mensal entre 15 e 17 mil sacas, a ItaBrasil compra café em Biguatinga, São Pedro da União, Jacuí e outros municípios mineiros, como Varginha, Manhuaçu e Patrocínio.

O armazenamento de café é distribuído em Biguatinga, São Sebastião do Paraíso, no Armazém Nova América, e em Manhuaçu. Em Guaxupé, a parceria com o empresário Rodrigo Mazza é voltada à armazenagem de café torrado e moído.

“A construção de um armazéns gerais em Biguatinga vai melhorar a nossa logística de preparo e estufa de café. O objetivo é oferecer uma melhor estrutura para os nossos produtores, trazendo a eles mais segurança e confiabilidade em seus depósitos”, comenta Jorge, projetando sobre os projetos para 2021.

Fonte: Jornal da Região


➡️ Receba as notícias através do grupo oficial do Portal Jacuí no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nossos administradores conseguirão fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 👉 Clique aqui.

Etiquetas

Redação

O Portal Jacuí é um portal de comunicação que visa informar, entreter e promover cultura, educação e a consciência coletiva no Sul e Sudoeste de Minas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo