EducaçãoPolítica

Na véspera de 1ª grande greve de seu governo, Bolsonaro recua de corte de orçamento no MEC

Na véspera do que deve ser a primeira grande greve do seu governo, o presidente Jair Bolsonaro determinou hoje (14/05) que não haja mais cortes orçamentários no Ministério da Educação.

A ordem foi passada por telefone ao ministro da pasta, Abraham Weintraub, nesta tarde. Líderes partidários reunidos com o presidente no Palácio do Planalto presenciaram o telefonema.

“O presidente ligou para o ministro na nossa frente e pediu para rever. O ministro tentou contra-argumentar, mas não tem conversa”, disse ao UOL o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO).

O deputado afirmou que o valor contingenciado não será cortado em outra pasta.

*Fonte: UOL / Colaborou Ana Carla Bermúdez, do UOL, em São Paulo

Etiquetas
Mostrar mais

Gabriel Baquião Vidigal

Graduando em Ciência da Computação pelo Instituto Federal do Sul de Minas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo